Quem sou eu

Minha foto

Sou viciado em computação, Internet e Fotografia. Morei por quase 6 anos, e ainda frequento, Paraty. Sou usuário de softwares Open Source, tendo dado algumas contribuições em diversas ocasiões.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Fui vítima de ameaças

Neste momento eu informo que no dia 16 de Fevereiro de 2015, às 12:48 (UTC-2, horário de verão) fui vítima de ameaças por um perfil apócrifo do Facebook. Um corte da captura de tela com da mensagem na íntegra está abaixo.


Ele entrou em contato comigo pelo recurso de mensagens do Facebook para me dizer isto.

Quase todos os meus amigos, e boa parte das pessoas que me conhecem, sabem que sou ateu, que não acredito em deuses ou divindades. Eu falo isto da mesma forma que muita gente expressa a sua religião, especialmente alguns e os membros de algumas religiões. Isto choca muita gente, pois para muitos isto não faz sentido. E um motivo porque eu gosto de contar isto é para fazer as pessoas pensarem que tem formas muito diferentes de ver o mundo, que elas tem que ver que existe diversidade de formas de pensar e encarar o mundo, e incentivar a outros ateus a saberem que não são os únicos.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

A abundância de desperdício de energia e água

Vivemos em uma sociedade com uma abundância de desperdícios, especialmente de energia e água, e não damos conta disto.

São prédios com janelas fechadas, e luzes acesas em pleno dia. Calor da geladeira desperdiçado. Ligamos o ar condicionado antes de pensar em abrir a janela. Calor de secadora de roupas lançado simplesmente no ar. Gastamos energia bombeando água para o topo dos prédio só para ela descer de novo. O calor da água aquecida que sai do chuveiro desce pelo ralo. E muitas outras coisas.

O que podemos fazer para estas coisas não acontecerem?